Religiosidade Africana


Segundo Bruno Reis a umbanda tem 16 orixás, mas o candomblé tem muito mais, segundo Pierre Verger são em torno de 400. O orixa, é nada mais nada menos, q o ancestral "divinizado" podemos dizer assim. No período colonial no Brasil, chegaram ao país os primeiros africanos de origem iorubá,
um povo que ocupava a região onde hoje ficam Nigéria, Benin e Togo. Mas eles aportaram no Brasil como escravos e não podiam cultuar suas divindades livremente devido a religião oficial do país ser o catolicismo. Por causa dessa proibição, os escravos começaram a associar suas divindades com os santos católicos para exercerem sua fé disfarçadamente. Lembrando que a religião dos yorubás não é o candomblé, o candomblé é uma religião brasileira.

Como os santos católicos são bem numerosos, existem divindades que são identificadas com mais de um santo. "Essa relação com um ou outro santo depende da região do país, variando de acordo com a popularidade do santo no local", diz o sociólogo Reginaldo Prandi, autor do livro Mitologia dos Orixás. [[Reginaldo Prandi é uma boa fonte!]]

Os orixás só correspondem aos santos catolicos na umbanda, no candomblé é e sempre será orixá, não se cultua santo católico no candomblé, São Jorge não é Ogun e nem Oxossi Ogun é orixá vanguardeiro, senhor dos metais e dos trabalhos manuais, patrono da agricultura na África. Xangô por exemplo foi o 1º rei de Oso, atual Nigéria, então o sincretismo entre santos e orixás podemos dizer que foi uma coisa inventada aqui no Brasil. Na verdade isso prejudicou o culto, no candomblé é uma forma de fazer o cristão entender o candomblé.

Os orixás são entidades com virtudes e defeitos, e seus seguidores acreditam que eles conhecem o destino de cada um dos mortais. A umbanda, é uma religião genuinamente brasileira, surgida na década de 30 no Rio de Janeiro a partir da combinação de elementos do candomblé, do catolicismo e do espiritismo.

[[O candomblé nasce aqui no Brasil nasce quando esses negros chegam com seus ancestrais, cada qual com seu o candomblé - é o nome mais popular dessa nova religião que se criou, mas em Pernambuco chamam de Xangô em favor da grande quantidade de negros que cultuavam esse orixá terem desembarcado por lá no Rio grande do Sul ele será chamado de Batuque e terá grande influência dos negros angolanos e seus 'inquices'.]]

Na África ainda se cultua Orixá, mas não é candomblé, cultua-se o ancestral: chama-se o culto ao ancestral vulgarmente falando. Em Oso vc ainda encontrará figuras e lendas sobre Xangô e Egbá, estará lá o rio q deu o nome a Yemanjá...cultua-se conforme as localidades quem cultua Ogun por exemplo não cultua Xangô e nem esse cultua Oxossi...cultuam somente aquele ancestral.

[[Se quer saber o que se há para saber deve ler Pierre Verger, existe um documentario muito legal sobre ele feito pelo filho do Chico Buarque, esse cara, apesar de francês, entendeu nossa formação como poucos fez a ponte entre brasil/africa, outra coisa, na umbanda não se cultua só pomba gira, preto velho e caboclo. Existem os êres q são os espíritos de crianças, os boiadeiros, os malandros, os marinheiros. O temido exú tbm. Exu na umbanda é uma entidade, mas no candomblé ele é um Orixá
e um Orixá muito importante, seu nome vem de Esú (Esfera), representa seu atributo principal, estar em todo lugar.]]

Valeu Bruno!!!!



Lembrando que este blog sempre estará aberto à opiniões, idéias e correções!





As cinco principais entidades da umbanda

Iemanjá
SANTA CATÓLICA: Nossa Senhora da Conceição
No zodíaco corresponde ao signo "CANCER"

Iansã
SANTA CATÓLICA: Santa Bárbara
(Na doutrina católica, ela corresponde a Santa Bárbara -
também uma protetora contra raios, tempestades e trovões)
No zodíaco corresponde ao signo "SAGITÁRIO"

Xangô
SANTO CATÓLICO: São Jerônimo e São João
(Xangô é o deus do trovão e da justiça. Ele é associado a dois santos católicos: São Jerônimo, que no final do século 4 traduziu alguns livros da Bíblia do hebraico e do grego para o latim, ou São João, que pregava a conversão religiosa e batizou Jesus)
No zodíaco corresponde ao signo "LIBRA"

Ogum
SANTO CATÓLICO: Santo Antônio e São Jorge
(Ogum é o orixá da guerra, capaz de abrir caminhos na vida. Por isso, costuma ser identificado com Santo Antônio, o "santo casamenteiro", ou com São Jorge, santo guerreiro que é representado matando um dragão)
No zodíaco corresponde ao signo "ÁRIES"

Oxalá
SANTO CATÓLICO: Jesus/ Nosso Senhor do Bonfim
(Oxalá é a divindade que criou a humanidade - por isso, ele se equivale a Jesus, uma das manifestações do Deus triuno do catolicismo (pai, filho e espírito santo). Além de ter modelado os primeiros seres humanos, Oxalá também inventou o pilão para preparar inhame e é considerado o criador da cultura material)
No zodíaco corresponde ao signo "AQUÁRIO"

Outras Entidades:

> Exu: Anjo Gabriel (Leão)
> Oxóssi: São Sebastião (Touro)
> Nanã: Sant'ana (Escorpião)
> Omulu: São Lázaro (Capricórnio)
> Ibejis: São Cosme e Damião (Gêmeos)