O dia seguinte.



"Já fazia um longo tempo em que eu não pensava nela, mas o sentimento ainda estava lá. Que marca profunda ela deixou em meu coração! Nenhuma outra imagem pode substituir a dela. Será porque ela tomou o meu primeiro beijo, porque tirou o perfume da vida de mim? Será porque mentiu, me iludiu, porque um dia me tirou as vendas dos olhos e eu vi a cabeça de Medusa, vi a vida como um grande horror? Tudo o que eu via como uma névoa de rosas, agora parecia vazio e cinza... aqui senti a infelicidade incandescente do amor... senti os carrascos... e fiquei quase insano por muitos anos... a natureza gritava em meu sangue... eu estava a ponto de explodir." 

[Edward Munch]