Uma poesia de um querido amigo...



Paradoxo Vital

Chegada onde talvez procurasse
Procura do que nunca achava
Mas ao achar, ver que chega sem saber
Saber do real sentido de existir

Viver sem saber pra onde ir
Ir buscando um lugar
Busca de um motivo para andar
Andando no intuito de um lugar

Quando tudo parece morrer
Nasce um motivo para sorrir
Sorrir da maneira de viver
Viver e não se deixar cair
O destino a dor, amores pelo caminho
Caminhos entrelaçados
Vidas amordaçadas
Amordaças favoráveis

Se não houvesse o paradoxo
Paradoxal seria
Como ficaria a morte
Se viver não adiantaria? 

(Ciro Neves)